Etiqueta nas aulas de ballet

Todo mundo já ouviu falar que o ballet exige disciplina! Na verdade a sua vida exige, ou exigiria, embora nem sempre todos levem isso como um valor. No ballet isso é cobrado e acredito que isso deveria fazer parte de qualquer atividade que qualquer pessoa resolva levar à sério. Algumas dicas irão te ajudar a ter etiqueta nas aulas de ballet


• Seja pontual. Caso chegue atrasado à aula já iniciada, peça ao professor permissão para entrar, de maneira discreta, sem alarde.

• Desligue seu celular. Ou melhor, deixe-o do lado de fora da sala. Aproveite e jogue fora o chiclete também.

• Se a aula já começou, não importa se estejam no plié ou no adágio, aqueça-se antes de começar! É a maneira mais eficaz de prevenir lesões e preparar o corpo para a dança. Mas faça em silêncio, em qualquer canto da sala, e só então acompanhe a turma.

• É o professor que manda, dirige e ensina no seu território. Ele está trabalhando ali, tentando fazer o seu melhor. Mostre algum respeito à sua condução e propostas.

• Use sua aula para estudar! Apesar de ser uma ótima ocasião para fazer novos amigos a aula de balé não é terapia em grupo e nem um bar, converse com os amigos em outra ocasião. Aproveite cada aula como uma chance de aprender, crescer, se concentrar e se beneficiar de tudo mais que a dança pode te proporcionar.

• Complexo de primeira bailarina é tão deselegante. A sala de aula é um local onde todos estão lá para estudar igualmente, seus colegas não são sua platéia. Não domine o ambiente com perguntas desnecessárias. Cumprimente todos, seja amigável e flexível, e lembre-se que você não é o centro das atenções. A turma sim é, em chances iguais.

• A barra é um local democrático, assim como o centro. Não seja espaçoso, você não é dono de nada e não há lugares pré-determinados, sendo assim qualquer um pode ocupá-los.

• Fica com sede durante a aula? Normal. Muito melhor do que sair a cada momento para se refrescar é levar uma garrafinha de água pra sala. Não atrapalha a aula e você não perderá nenhuma explicação/exercícios.

• Novatos precisam de atenção e encorajamento. Seja generoso e mostre seu apoio. Com certeza eles se sentem mais desconfortáveis para se expor e o professor pode lhes dar mais atenção. Cuidado com o ciúmes!

• Seja pró-ativo. Se o professor pedir para que demonstre um exercício encare como mais uma oportunidade de estudo, por que negar?

• Quem respeita recebe respeito em troca. Caso o professor divida a turma em grupos respeite os colegas enquanto executam algum exercício. Não converse, nem fique criticando ninguém, mesmo que você veja defeitos na sua maneira de executar. Manter as regras mínimas de boa educação é algo básico.

• Faltou na aula? Faz parte às vezes, mas nem o professor nem a turma tem culpa disso. Não adianta chegar na aula seguinte bombardeando com milhares de perguntas ou se sentindo injustiçado. Se você perdeu matéria se esforce para "pegar", mas sem "causar".

• Diagonais sem caos. Respeite sua vez e deixe os outros aproveitarem sua chance de fazer o exercício também. Siga o fluxo e nunca pare no meio ou passe na frente de alguém em "movimento" numa diagonal, sem querer você pode causar um pequeno acidente.

• Ao final da aula agradeça o professor, e ao trabalho desenvolvido ali. Se não houver "reverance" (sequência com movimentos de braço e agradecimento) bater palmas junto dos demais colegas é um sinal de gratidão adequado.

Comentários

Postar um comentário

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico