Carreiras no Ballet





















Não importa a idade que você tem; a idade que começou a fazer ballet e há quanto tempo você dança. A regra é a mesma: Se você perceber que realmente deseja ter uma carreira no ballet, você pode seguir buscando sua formação e a realização do seu desejo. 

Esteja ciente desde o início que, mesmo para bailarinos que entram no ballet quando crianças, apenas um grupo seleto tornam-se bailarinos profissionais. Assim, quanto mais tarde você começa, sim, as chances são menores, pois ficaram para trás anos de treinamento e dedicação, mas você pode alcançar o profissionalismo e mesmo que você não venha ter uma carreira como bailarino profissional, existem muitas outras opções, se você gosta de ballet.

Com o treinamento e conhecimento suficiente, você pode se tornar um professor, um coreógrafo, ou até mesmo um crítico de dança! Só porque você não está preparado para entrar na dança profissionalmente não significa que você não pode ter uma carreira no mundo do balé. Independentemente do caminho que você escolher, lembre-se: ame ballet e as coisas fluirão...

Comentários

  1. Anônimo14:08

    Olá!
    Adorei o incentivo no post. Tenho 28 anos e dancei por 10 anos, dos 6 aos 16, intercalando balé, jazz e sapateado. Interrompi quando a escola onde dançava, no interior de SP, fechou. A professora de balé clássico me convidou para seguir para Campinas onde ela lecionava integralmente, mas considerando as possibilidades financeiras de minha família, e o medo do novo também, recusei.
    Optei por uma carreira na área de Psicologia, e guardei meu amor pela dança numa caixinha até 2015. Retornei ao jazz em SP com um professor inspirador, a chama reacendeu, e subir ao palco no espetáculo da escola no final do ano foi transformador.
    Coincidentemente, devido a questões profissionais minhas e de meu marido, nos mudamos ao RJ, onde hoje não estou trabalhando. Procurei uma escola para continuar a dançar e agora faço, além do jazz, também o balé. A vontade de atuar com dança só se fez mais forte, mas tenho mil receios e não sei por onde começar, quais as minhas reais possibilidades...
    sei que foi clara no post, mas gostaria de sua opinião e sugestões também do que procurar, por gentileza!

    Obrigada, desde já!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico