Equilíbrio no ballet


Para dançar ballet, trabalhar seu equilíbrio se faz necessário e porque não dizer essencial, levando em consideração que muitos passos são feitos com o peso do corpo em apenas uma perna de apoio, ou no demi pointé ou nas pontas.


O que é equilíbrio?

Dá-se o nome de equilíbrio à situação em que se encontra um corpo quando, apesar de ter pouca base de sustentação, se consegue manter sem cair.

Entenda como o equilíbrio funciona.

Quando em perfeito equilíbrio, seu centro de gravidade está exatamente acima do ponto onde você toca no chão (ou, se houver vários desses pontos, entre eles). Para o corpo humano, sendo como é, é impossível continuar exatamente nessa posição por muito tempo; os desvios dessa postura ideal em breve irão aparecer e aumentar rapidamente (em outras palavras, você vai começar a balançar). A fim de manter seu equilíbrio, você precisa saber o quanto antes quando isso acontece; os desvios são fáceis de corrigir quando você os observa na hora, mas quando você os observa tarde demais, vai se tornar muito difícil voltar a uma posição de equilíbrio e você vai cair.

Exercícios para treinar o equilíbrio
Manter seu olhar focado em algo estacionário enquanto se equilibra torna mais fácil manter-se estável, pois permite que você veja quando está se movendo em comparação com a coisa que você está olhando. Quão útil esta entrada visual é depende da distância entre você e o ponto para o qual está olhando. Se você olhar para algo perto de você, você vai notar facilmente quando se mover e ajustará sua posição inconscientemente. Se você olhar para algo mais ao horizonte, os movimentos sutis se tornarão muito mais imperceptíveis. A visão periférica também é usada para referência de equilíbrio, assim, você só vai estar completamente desprovida de ajuda visual quando seu campo de visão inteiro estiver cheio de coisas distantes. (Ou quando seus olhos estiverem fechados).ndo ouvir o seu corpo. Sinta como ele oscila ligeiramente e corrige sua postura o tempo todo. A sensação será mais perceptível quando os pés estão juntos. Esta é uma boa maneira de conhecer as sensações do sistema vestibular e um bom exercício para refinar este sentido. Haverá pouco ou nenhum risco de cair com este exercício, mas, uma vez que a sensação é muito sutil, exigirá alguma paciência e concentração.

Para uma forma mais prática, tente se equilibrar em uma perna por, digamos, meio minuto. Se você se sentir instável, tente dobrar o joelho levemente.

Para desenvolver seu senso de equilíbrio ainda mais, em vez de se apoiar em uma perna, repita os passos acima com o pé sobre várias coisas imóveis, cujas superfícies sejam menores ou mais estreitas do que a sola do seu pé. Procurar coisas sobre as quais pisar em todos os lugares ao seu redor; meio-fios, muros baixos, banquinhos, etc. Quanto menor a superfície de contato entre o pé e a coisa imóvel, mais difícil será manter o equilíbrio.

Com o tempo você também pode começar a se equilibrar na meia ponta ou na ponta, em vez de se apoiar em toda a sola do pé, sempre tentando ficar cada vez mais na mesma posição.

O equilíbrio será muito importante em muitos exercícios, este treinamento ajuda a melhorar o seu balance.

Mais dicas:

- Faça abdominais e você deve notar uma melhora no seu equilíbrio.
Abdômens fortes ajudam por estarem trabalhando músculos centrais.

- Seja paciente. O equilíbrio não melhora da noite para o dia, então, não se esforce demais nisso, querendo resultados rápidos.

- exercite a panturrilha para fortalecer suas pernas

Comentários