Dicas de Ballet :: Como respirar

Respirar no ballet pode ser mais difícil do que parece. Além de manter seus níveis de energia durante as aulas, ensaios e apresentações, respirando corretamente pode visivelmente alterar sua dança para melhor. Durante a atividade física, o corpo precisa de uma ventilação maior, especialmente nos exercícios mais intensos e, por isso, a respiração precisa ser adequada.

Evidence Ballet lança coleção com linha masculina

Campanha é protagonizada pelos melhores profissionais de dança do Brasil: Priscilla Yokoi e Yoshi Suzuki, solista da São Paulo Cia de Dança (SPCD).

Como saltar no Ballet

Grande parte da beleza do ballet vem de um dos seus movimentos mais poderosos: saltos.
Bailarinos treinam anos para ser capazes de saltar no ar graciosamente, dando a ilusão de vôo, que na verdade não passa de técnica. Fazendo um bom plié, conhecendo a posição que o salto requer enquanto está no ar e sabendo como voltar do salto você pode saltar melhor.

Dicas de Ballet - Trabalhando a graciosidade

Bailarinas são seres que encantam, isso é uma verdade!
Dançar com graciosidade e ter em sua dança movimentos fluídos e elegantes pode parecer fácil, quando assistimos bailarinas profissionais, mas na prática, não é assim tão simples. Dá trabalho ser graciosa, principalmente quando você não é assim uma pessoa que veio "com graça" de fábrica rsrsrs Sabe aquelas pessoas fofas de fábrica? Nem sempre somos uma delas, mas precisamos fazer de conta que somos...

Por que não assistir as apresentações anteriores a sua - Por Maria Cristina Lopes

 É unânime: em contexto de festivais e competições todos querem assistir as apresentações anteriores a sua. Bailarinos buscam assistir, em especial, a apresentações de colegas ou às imediatamente anteriores que, em geral, são referentes a coreografias da mesma categoria.

Este é um dos comportamentos que mais dificultam o bailarino de alcançar maiores resultados. Simplesmente por que quando nossa atenção está voltada para estímulos diversos deixamos de nos focar em nossa própria regulação emocional e fisiológica. Desta forma, prejudicamos de graça o nosso desempenho.

Diário de uma Bailarina II - Por Maysa Nagy

A professora Maysa Nagy cedeu para nós o material que ela entrega para suas alunas. Já tivemos aqui o post da primeira parte { para ler clique aqui } e hoje estou postando a Parte II e eu espero que vocês gostem das reflexões e dicas e possam se sentir um pouquinho alunos (as) dela. "Já dizia Ana Botafogo, ‘’Bailarina tem que melhorar sempre’’! E hoje no nosso diário de uma bailarina, quero falar sobre algo muito importante, a humildade. Você deve estar se perguntando, o que isso tem a ver? Tem tudo a ver!"

Contagem regressiva para o 34º Festival de Joinville 2016

A partir desta quarta-feira (dia 20) a cidade de Joinville, no Norte catarinense, em julho, torna-se palco do maior festival de dança do mundo (segundo o Guinness, desde 2005). Durante os onze dias do Festival de Dança de Joinville, a maior cidade de Santa Catarina recebe milhares de bailarinos, profissionais de dança e turistas de todos os cantos do Brasil e de outros países. Com as temperaturas amenas, típicas do Sul do país, Joinville concentra, no período do festival, boa parte dos turistas que usufruem das belezas naturais da região.

10 contas de Ballet no Instagram - Para você seguir

Viciados no Instagram?! Eu sou!!!! Fico muito tempo passeando pelos perfis, explorando as bailarinices por lá, então se você tem seu perfil lá e ama o ballet, conheça 10 contas do Instagram que você precisa seguir, além do @mundobailarinistico, é claro!

8 maneiras de se aquecer para as aulas

Olá! Este post foi pensado para realçar a importância de um bom aquecimento para as aulas, principalmente em tempos de baixas temperaturas... Mas atenção, não confunda! Alongar não é aquecer!!! E se alongar sem se aquecer pode te machucar, ok?! Decidi então fazer uma listinha com 8 maneiras para você ficar bem aquecidinho (a)!::

Aula para o Dia do Amigo - Por Elidiane Serafim

Olá queridos leitores do Mundo Bailarinístico, tem um tempinho que não faço uma postagem para vocês, mas hoje estarei compartilhando uma dica de aula para ser trabalhada em comemoração ao Dia do Amigo/Dia Internacional da Amizade, 20 de Julho.

Taboão Fest Dance VII Edição

Acontecerá no próximo dia 27 de Agosto de 2016 – a partir das 10h da manhã o VII Taboão Fest Dance, no Teatro Unítalo em São Paulo. 

O evento, organizado pela Escola de Ballet Sonia Almeida, visa promover a dança como expressão artística e contribuir para a difusão cultural e o desenvolvimento regional dessa arte, bem como valorizar a apreciação,criação, a educação e pratica da dança, estimulando novos coreógrafos e estudantes.

Entrevista Exclusiva - Kamila Abreu

Hoje é dia de entrevista exclusiva do Mundo Bailarinístico com a bailarina Kamila Abreu. Aos 19 anos, ela mora atualmente em Joinville/ SC e integra a Companhia Bolshoi Brasil! Se formou na escola Bolshoi com 18 anos, participando de todos os anos. Na oitava série passou uma pequena temporada em Salzburg na Austria, em Salzburg Landestheater Ballet dançando Swan Lake.

Antes da entrevista vamos seguir a Kamila no Instagram: @kamilabreuu e no Snap: kamilabreuu

Você no Mundo - Historinha para o Mundo Bailarinístico - Por Bárbara Alessandra

Olá Dryelle,

Meu nome é Bárbara, você nasceu no dia da dança e eu no dia do teatro. Fomos feitas para transbordar a alma e que bom que ouvimos isso. Leio sempre seu blog e me animei de escrever. 

Tenho 31 anos, e a um ano atrás resolvi começar o balé. Na minha vida dançar, sempre foi justo e necessário. Como sou alta e com as coxas grossas nunca pensei em ser bailarina. Fiz todo tipo de dança, que você imaginar. rs

Curiosidade: Assistir danças faz com que seus músculos pensem que estão remexendo também

Matéria do site hypescience.com diz: Pesquisadores descobriram que assistir a performances de dança ao vivo resulta em respostas musculares motoras específicas nos telespectadores, mesmo quando eles não conhecem ou nunca treinaram os movimentos que estão vendo. Será? Leiam o post com as explicações sobre o estudo::

Atenção professores - Por Janaína Barros

O aprendizado do ballet é lento, gradual, requer disciplina, prática e muito estudo até que realmente possa ser dançado.
Para que os alunos assimilem bem os passos e possam chegar a sua forma final traduzindo-os em uma dança expressiva é preciso que o professor tenha um programa organizado e focado nos fundamentos dos exercícios para cada nível. Um programa inicialmente pensado na compreensão dos passos e numa evolução dentro de um trabalho limpo e fundamentado, onde o aluno aprenda desde cedo a dominar a força do tronco e o equilíbrio necessários para o autocontrole nas classes mais avançadas.

A Escola Nacional de Ballet de Cuba – ENBC, uma das 5 escolas mais importantes do mundo, realiza no Brasil seu curso de metodologia para o ensino de Ballet

O Curso de Metodologia da Escola Nacional de Ballet de Cuba é o mais completo destinado aosprofessores de ballet de todo o Brasil que queiram aperfeiçoar seus currículos e ensinar a arte do ballet aos seus alunos de forma estruturada e técnica, com base na metodologia de uma das cinco escolas mais importantes e prestigiados do mundo.

Três formas de lidar com relações destrutivas em aula

Muitos bailarinos sonham grande: com grandes palcos, companhias, viagens. E não é por menos: a dança de fato oferece isso a quem chega ao topo.  Mas para chegar lá é preciso muito suor, lágrimas, aulas, frustrações, dicas, professores... Enfim... é preciso batalhar!

As dificuldades em aula são muitas. São muitas mesmo se estamos totalmente motivados, engajados e em uma ótima escola. Porém, em alguns casos – que não são poucos – estes bailarinos motivados acabam tendo um percalço nas aulas: seus próprios amigos. Eles estão o tempo inteiro distraindo, rindo e procurando conversar.

Entrevista Exclusiva Marcos Silva

A entrevista do Mundo hoje é com o bailarino Marcos Silva, 21 anos, está na Escola do Teatro Bolshoi do Brasil. Participou de Diversos festivais internacionais e nacionais entre eles: Prix de Lausanne 2013 , Youth America Grand Prix 2012 e 2014 e Festival de dança de Joinville. Tem o seu curriculum o titulo de Primeiro bailarino promodança Senior, dirigido por Mauricio de Olieveira . Atualmente é Primeiro bailarino da Cia Paulista de dança dirigida por Adriana Assaf! Ele vai falar com a gente sobre sua carreira. Espero que gostem!

Ah! E sigam ele no instagram! @marcoosil
Julho chegou e trouxe com ele descontos especiais que estão esperando vocês na #LojinhaDoMundo - Encontre as Bailarinices com o selo OFF - www.loja.mundobailarinistico.com.br

Você no Mundo - "Nada é tão nosso, quanto nossos sonhos" Por Jennifer Adane Mór

Olá, tudo bem?
Meu nome é Jennifer Adane Mór, sou Porto Alegre, moro Gravataí, Rio Grande do Sul. Tenho 19 anos.
Hoje vou contar um pouquinho da minha história. Vou tentar resumir... hehe.
Quando tinha uns 6 anos minha mãe resolve em colocar no ballet. Na época minha professora estava tentando de estabilizar em algum lugar, então, desmotivei um pouco, de ela ficar indo pra lá e pra cá. Um belo dia, vendo a novela Páginas da Vida, vi a bailarina Giselle, a bulímica, e apesar da imagem negativa da novela em relação ao ballet, as partes que apareciam a aula, barras, sequências me encantaram. Comecei a pedir para a mãe me colocar novamente no ballet.