Entrevista - Karen Ribeiro | BalletAdultoKR® - Seu sonho levado a sério

Karen Ribeiro - a bailarina empreendedora!



Estou muito feliz de ter aqui uma profissional que eu admiro muito! Adoro as postagens, os textos, as fotos... A Karen é terapeuta ocupacional formada pela Faculdade de Medicina da USP (FM/USP), bailarina clássica, com formação técnica reconhecida pelo MEC, pela metodologia cubana, com atualização metodológica com o maestro Boris Storojkov na metodologia russa da escola de Agripina Vaganova, professora de ballet clássico a especialização em aulas para adultos, que nunca fizeram e para aqueles que fizeram, pararam e querem voltar.

O Slogan da sua escola voltada para Ballet Adulto diz tudo "Seu sonho levado a sério".

Porque ballet adulto?

Na verdade tudo começou porque eu queria voltar a dançar ballet de verdade. E as turmas para adultos que existiam (pois sempre existiram) não tinham o perfil que eu queria, ou era avançadas e profissionais, e não levariam uma amadora para o palco, ou eram em pequenas escolas que não montavam balés ou nos levavam a sério da forma que eu gostaria… rs. Os professores que iam dar aula nunca davam continuidade por muito tempo às turmas, acredito que pela baixa remuneração e a pouca aderência dos alunos. Uma vez que o foco da “academia” onde eu estava não era o ballet e muito menos para adultos, rs. Numa dessas trocas de professores meus amigos sugeriram que eu voltasse a dar aulas… Na época meu foco no ballet era apenas um hobby que eu levava a sério. Pensei e resolvi aceitar o desafio. Para isso fui buscar mais formação, fazer aulas com professores sérios (aquelas turmas que eu não queria frequentar pois eram avançadas ou profissionais, mas meu foco mudou, eu ia lá então para reciclar), cursos, etc. Montamos uma turma grande e coesa, e ao fim do ano apresentamos ballet clássico no espetáculo da academia. E após 2 anos a diretora da escola trocou minha turma de iniciante para outra professora da escola… Sem me avisar. Fiquei em choque. Estava me separando, diminuindo meu trabalho como terapeuta ocupacional… enfim o que fazer? Fui para casa. Postei no antigo orkut tudo o que estava acontecendo. E uma pessoa em especial me disse não pare, siga adiante. Uma ate então desconhecida… e eu pensei porque não… Fiz uma busca de escolas sérias que tivessem o perfil que eu buscava e não ofereciam balé para adultos. E de cara encontrei minha ídola, a escola da bailarina Ana Esmeralda… e que de imediato responderam meu e-mail. No dia seguinte estava lá, e em 05 de março de 2009 minha parceria iniciou e a primeira escola de ballet clássico para adultos da América Latina começou a existir...

Falando como empresária, você esperava que seu negócio desse tão certo?

Talvez eu nunca tenha pensado como empresária naquela época. Era uma paixão tão grande, que dar certo para eu poder dançar e quem quisesse me acompanhar já seria um grande caminho… Hoje vejo que foi um empreendimento certo. Difícil para ser levado, ainda mais com o investimento e a seriedade que temos.

Como bailarina, o que acha ser seu diferencial?

Como bailarina, e falo hoje de ser uma bailarina adulta também, o virtuosismo que os jovens bailarinos exibem estão longos do que posso oferecer ao meu público em contrapartida com muita elegância e uma técnica artística e expressiva. Não suponho ser virtuosa. Desejo ser seu coração em cena…

Você trabalha com os sonhos das pessoas, suas postagens servem de inspiração e incentivo. Tem consciência disso ao postar informalmente nas Redes Sociais?

Talvez eu não tenha ideia. Porque eu sou eu sabe… escrevo o que sinto, do desabafo ao elogio… Hoje em dia tento ser mais elegante, como o ballet pede que sejamos… e vejo o quanto as mulheres desejam essa elegância essa delicadeza… quando vejo uma postagem minha ter mais de 100k pessoas atingidas eu peço para ser correto o que faço. Peço calma, discernimento, tranquilidade…

O que você acha de outros métodos de ballet adulto que estão surgindo por aí?

Para mim ballet é ballet. eu tenho uma escola voltada para adultos. Não sugiro nenhuma metodologia. Tenho os melhores profissionais do ballet clássico me norteando e me guiando diariamente. Ady Addor, Neyde Rossi, Katiah Rocha, Natalia Zemtchenkova, Boris Storojkov… Liliane Lima… Paulo Vinicius… Estudo com afinco. Além das aulas que dou numa grade pesada, faço 3 horas de aula por dia, e 1h30 de ensaio… Não sei dizer do que não conheço… só sei que busco o melhor do ballet clássico para oferecer aos meus alunos… meus adultos…

Como você espera que seus alunos te percebam? Minha professora é:

Feliz por te-los investindo seus sonhos em minhas mãos…

Quem você acredita que são os grandes responsáveis pelo seu sucesso, além de você, é claro, e de sua competência.

Ana Esmeralda. E quem por trás dela esta sempre. Responsáveis por terem me dado uma seriedade que ninguém jamais daria ao meu trabalho. Meus alunos e a satisfação deles… Meus GRANDES MAESTROS, e minha reverencia a cada um deles. Meus alunos por investirem e acreditarem, a eu ser uma pessoa que ouço…e aos meus parceiros… O Carlos… <3…

O que falaria para pessoas que acham que são velhas demais para se formar bailarinas?

Que se achar velha demais é um desaforo. que ballet pode ser aprendido de forma amadora e séria e com qualidade. Que mesmo que você seja velha sempre vai poder usufruir do caminho mesmo que a meta seja incansável...

Qual a maior dificuldade em montar um Ballet de Repertório completo?

Eu ri. TUDO É DIFICULDADE!!! E talvez essa seja a delicia e a dor do desafio. A ideia nasceu de uma conversa entre eu e meu querido partner… e ele disse "estarei com você" eu disse "sério?" e ele disse: "hum-hum". E eu pensei ok, bora lá. dei para esse espetáculo o que havia guardado para dar de entrada ao meu apartamento.  Mas estou 100% certa do caminho que assumi e dos riscos. E tudo tem valido a pena… <3

Para você dançar é:

A expressão da minha alma, e dos meus sentimentos mais nobres (Isadora duncan já disse isso) ;)

Curtam: https://www.facebook.com/karenribeiroballet

Comentários

  1. Concordo plenamente com você! Nada a ver colocar Ballet em academia de treino, como o Ballet fitness!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico