Como se dá a formação de um bailarino

A Patricia Derrossi, leitora do Blog, enviou sua dúvida e parte desta pergunta virou este post: "Preciso de ajuda para entender melhor como se dá a formação completa de um bailarino". Como esta dúvida deve ser comum entre muitas pessoas, achei pertinente preparar um texto sobre este assunto, contando com a ajuda de algumas escolas de formação bailarinística.

Como assim escolas de formação?

Existem muitas escolas de Ballet pelo país, mas nem todas trabalham com a formação de Bailarinos. Geralmente, escolas que formam incluem metodologia e um programa, divido em níveos, com aproximadamente 9 anos de estudos. "O aluno pode passar por 9 anos de estudos, se ele ingressar no Baby Class" comenta Fernanda Barreto do Studio de Dança Fernanda Barreto.

Studio de Dança Fernanda Barreto

Aulas

Esses estudos não incluem apenas as aulas clássicas de Ballet, as escolas oferecem aos seus alunos uma grade bem extensa e diversificada, formando um bailarino por completo, com noções em várias áreas.

Na Escola de Dança Maria Olenewa, uma das mais tradicionais do país, o curso profissionalizante conta com aulas de balé clássico, pas-de-deux, repertório clássico, danças características, dança espanhola, balé contemporâneo, composição e improvisação, história da arte, história da dança, terminologia da dança clássica, educação musical, comportamento e atitude profissional, funcionando de segunda a sexta.
Alunos da Escola de Dança, Artes e Técnicas do Theatro Municipal Maria Olenewa

"... são conhecimentos teóricos que irão contribuir para o futuro da Carreira como artista" - diz Nelma Darzi, Diretora Artística da Escola de Dança Petite Danse.

Tempo 

Outro ponto que diferencia o Ballet de formação de cursos livres é o tempo dedicado aos estudos. Além da quantidade de anos, que já citei, precisamos considerar também o tempo que o aluno fica na escola, tendo aulas ou realizando trabalhos relacionados. Na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil o aluno tem uma média de 4 a 6 horas de atividades por dia, entre aulas teóricas e práticas.

Método e Programa de Ensino

Essas escolas trabalham com métodos ou programas de ensino específicos, a Escola de Dança Adriana Assaf, por exemplo, uma das maiores e melhores escolas de ballet de nosso país, oferece um curso completo, organizado, com metodologias de ensino internacionais, ajudando no desenvolvimento e educação da crianças através da dança, formando excelentes profissionais. A Escola é filiada a Royal Academy de Londres, dando formação internacional.

A Escola Bolshoi Bolshoi ensina a técnica de balé segundo a metodologia Vaganova, dança contemporânea e disciplinas complementares. Tem suas atividades educacionais credenciadas junto ao Ministério da Educação – MEC. Estando os cursos, conforme legislação, aprovados pelo Conselho Estadual de Educação e a Secretaria Municipal de Educação

Na Petite Danse, para as turmas de dança nível básico, médio e técnico utilizam como referência o Método Vaganova da escola russa, sendo adaptado pela equipe pedagógica da escola.

Petite Danse - Apresentação de Dança para os Pais


Níveis e Idades

Normalmente as escolas dividem esses 9 anos de formação em alguns ciclos. Vejamos o exemplo da , a Escola de Dança de São Paulo que apresenta o Programa de Formação desenvolvido ao longo de nove anos nos ciclos: Fundamental, Intermediário e Profissionalizante.

Cursos preparatórios da Escola de Dança de São Paulo são voltados para crianças de 7 a 12 anos

É comum ouvirmos em falar em divisões com os termos:  Preliminar; Básico; Intermediário... Esses termos mudam de escola para escola e de método para método, mas de maneira, geral, seguem uma divisão bem parecida entre elas e devem considerar idade x níveis x técnica. 

A formação, na maioria dos lugares, começa mesmo com 7 ou 8 anos. Antes disso é um nível apenas preparatório, chamados Baby Class, Pré-ballet entre outros.

Estrutura

Muitas são as preocupações de uma escola que forma Bailarinos quando falamos em estrutura, tanto física (local) quanto em qualidade de profissionais.

Estamos falando de salas com piso ideal para aula de dança; salas para aula teóricas, vestiários, salas de ginástica; laboratório cênico; ateliês; consultórios médicos; acústica; aulas com pianistas e/ou percussionistas; espaços para espera e aquecimento; psicólogos; fisioterapeutas e por aí vai!

"A Escola Bolshoi dispõe de uma estrutura completa, espaço ideal para abrigar essa absoluta dedicação profissional ao ensino da dança e formar artistas" 


Escola do Teatro Bolshoi aula de clássico masculino 2 - Vanserleia Macalossi


Cursos Profissionalizantes | Curso Técnico em Dança

"Muitos alunos procuram escolas de Dança com objetivo de se tornarem bailarinos no futuro, mas nem sempre isso vai ser possível, em função da idade ou em função do próprio físico. E através do curso profissionalizante ele pode realizar o sonho de trabalhar com dança, mesmo não sendo bailarino profissional de uma companhia, mas ele pode trabalhar como coreógrafo, como professor, como arte educador, sem necessariamente ser um bailarino" - - Nelma Darzi Diretora Artística da Escola de Dança Petite Danse

A escola oferece o Curso Técnico Profissionalizante, autorizado pela Conselho Estadual de Educação do Rio de Janeiro, realizado em três anos de nível técnico com aulas práticas e teóricas. Para ingressar o aluno precisa fazer uma aula avaliativa na modalidade de interesse do candidato. Caso o candidato não tenha nenhum conhecimento em dança, deverá inicialmente ingressar no curso Pré- profissional para adquirir conhecimentos fundamentais e indispensáveis ao curso profissional.

Em São Paulo, A escola da Adriana Assaf foi oficializada pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, através do Curso Técnico de Dança, garantindo ainda mais sua qualidade de ensino. Com Curso Técnico de Dança reconhecido pelo MEC e com parecer Técnico do Senai/Sesi, tendo validade nacional.
Adriana Assaf - Foto: Facebook

Além disso na ETEC de Artes é oferecido também o Curso Técnico em Dança para formar profissionais que desenvolvem atividades ligadas à criação e à execução de dança, atuando como bailarinos, dançarinos, diretores ou assistentes de palco e contrarregras. Domina os diferentes gêneros e estilos de dança. Emprega técnicas de dança e recursos de improvisação, em espaços cênicos, como formas de expressão corporal.

Cias das Escolas

Muitas escolas crias suas próprias companhias de dança a fim de utilizá-las como uma espécie de laboratório para seus bailarinos, preparando-os para o mercado e abrindo portas para quem sabe poderem dançar em companhias pelo mundo.

Foi o que fez a Adriana Assaf, Fundada em 2006, a Cia Paulista de Dança tem como objetivo servir de laboratório para sua escola, ajudando na formação e desenvolvimento dos alunos, onde podem participar de grandes montagens de espetáculos de dança e conhecer seus repertórios. Também é uma geradora de emprego, dando espaço de trabalho e remuneração para os profissionais da dança.
Cia Paulista de Dança - A Bela Adormecida

A Companhia Dançar a vida foi fundada em 2009 pela sua atual diretora artística Nelma Darzi, da Petite Danse. Nos dias atuais se firma como uma das principais Cias do país, revelando talentos e apresentando espetáculos de qualidade, fomentando assim a cultura no Brasil.


Audições

Muitas escolas selecionam os seus alunos por meio de audições, fazendo um filtro, já com algumas considerações. Como elas funcionam?

Vou exemplificar explicando como é na Escola Bolshoi (uma das mais almejadas)

"A audição consiste em duas etapas: médica-fisioterápica, em que fisioterapeutas, médicos, professores de educação física e de dança analisam postura, estrutura e habilidades físicas, motoras, frequência cardíaca e respiratória, percentual de massa corpórea, força, musculatura e articulações. A segunda é a artístico-musical e cognitiva, em que profissionais da dança, músicos e professores avaliam as habilidades técnicas e artísticas, musicalidade, projeção cênica e também o desempenho intelectual dos candidatos"

Faculdade de Dança

O curso superior de Dança é moldado para aqueles que desejam aumentar e aprimorar seus conhecimentos nas artes corporais. O curso pode ser oferecido como Licenciatura ou Bacharelado. A escolha da modalidade depende da área desejada pelo estudante. Algumas universidades, como a Unicamp, aplicam prova de habilidades específicas em seu vestibular.

Clique aqui para ler mais sobre faculdade de dança

O que podemos perceber é que não importa em qual escola você vai vai fazer ballet, todas elas irão exigir de você uma dedicação enorme e muita disciplina, que só muito AMOR pela dança vai justificar.


SERVIÇO

Adriana Assaf
Tel: 11 2097-7607 / 2296-5021
Endereço: Rua Emilio Mallet 1440 - Tatuapé - SP
www.adrianassaf.com.br

Escola Bolshoi Brasil
Escola do Teatro Bolshoi no Brasil
Av. José Vieira, 315 - América.
Joinville - SC - 89204-110
55 47 3422-4070  Ramal 216
www.escolabolshoi.com.br

Escola de Dança de São Paulo
Praça das Artes
Av. São João, 281 – 6º Andar
Tel.: +55 11 4571 0482
escoladedanca@prefeitura.sp.gov.br
www.theatromunicipal.org.br/formacao/escola-de-danca-de-sao-paulo

ESCOLA DE DANÇA MARIA OLENEWA
(21 55) 2333-4110 / 2332-9129
eedmotheatromunicipal@gmail.com
www.theatromunicipal.rj.gov.br/escolas-de-formacao/escola-de-danca-maria-olenewa

Escola de Dança Petite Danse
nelma.darzi@petitedanse.com.br
(021) 98207 1581 | 2571-7531
www.petitedanse.com.br

ETEC de Artes
Av. Cruzeiro do Sul, 2630 -
Prédio 2, Santana - São Paulo
www.etecdeartes.com.br

Studio de Dança Fernanda Barreto
studiodedancafb@gmail.com
(83) 3058-2039 (Studio)
(83) 8738-3533



Comentários

  1. Que show de matéria! Faço faculdade de licenciatura em dança e assim como muitos leitores aqui já tive o sonho de ingressar em uma cia, mas pela idade (tenho 18 anos) e por ainda não ter concluído a formação clássica, já que começei tarde (aos 15 anos), encontrei na licenciatura a forma de expressar todo o meu amor pela dança. Não desanimem, se não tem idade ou o tal físico, amem da forma que lhes for permitida, a dança escolhe quem a ama e não quem tem a idade perfeita ou o corpo perfeito, escolha dançar através do amor, mesmo que isso custe figurinos caros, finais de semana sem descanso e ensaios após um dia inteiro de trabalho e/ou estudos, faça pela felicidade que a dança te proporciona.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico

FALE COM O MUNDO BAILARINÍSTICO

Nome

E-mail *

Mensagem *