Ballet Ballet mesmo!

Estava aqui pensando, é tanto ballet novo por aí: ballet aerobico, ballet funcional, ballet fitness, ballet pilates, ballet TUDO! Porque não fazer Ballet Ballet mesmo? Clássico, o original.

Vejam bem, cada um faz o ballet que preferir, tenho certeza de que quem pratica "seus ballets" por aí tem lá os seus motivos, masssss eu ainda sou do lado do bom e velho e tradicional ballet clássico e todos as suas particularidades, benefícios e detalhes.

Tantas alternativas, muitas vezes mascaradas de ballet, mas que na verdade, ao meu ver, pelo que já vi e experimentei, a técnica propriamente dita que é o que caracteriza o ballet clássico passa bem longe.

Sem generalizar e sem desmerecer as outras vertentes e métodos (sim porque existem métodos para essas aulas, sérios, escolas credenciadas, então se for fazer, procure profissionais). É mais um opinião mesmo.

Façam ballet, dancem!
Eu acredito na aeróbica, pilates, musculação e etc como atividades extras, paralelas às aulas de ballet, como complemento.

Deixem suas opiniões nos comentários!

5 comentários:

  1. Eu comecei a fazer ballet em meio a essa onda de "variações do ballet", mas optei por fazer o ballet clássico por acreditar ser tão importante aprender a essência do ballet, as técnicas certinhas, aprender as coreografias, se apresentar...

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente. É oq eu falo pras minhas alunas : uma aula a ballet ballet msm, feita direitinho, traz os mesmos benefícios de um outro tipo.... pode ser q demore mais, mas tb vai definir musculatura e emagrecer, por exemplo. E com um adicional: vai sair dançando

    ResponderExcluir
  3. É claro que algumas metodologias surgem apenas com o intuiuto de ganhar dinheiro...Porém, quando se trata de um método sério, acredito que possa ser interessante para quem deseja apenas praticar o ballet como uma atividade física. Quando você faz ballet clássico, tudo que é feito na aula tem o propósito de te tornar uma bailarina. Parece óbvio, mas talvez seja por isso que algumas pessoas estejam buscando esses atividades "derivadas" do ballet. Talvez elas não queiram aprender a dançar ou a se tornar uma bailarina, mas apenas desejem os benefícios do ballet como uma atividade física.

    ResponderExcluir
  4. Sempre me perguntam sobre o ballet fitness e sou da mesma opinião que você. Porque tem que ser Ballet fitness? Ou bem faça seu Fitness ou bem faça seu ballet. Não entendo a necessidade muitas vezes equivocadas dessas junções. Tenho certa antipatia por modismos.
    bjs
    São poucos os lugares que conheço que trabalham isso de uma forma saudável e bem preparada pouquíssimos eu diria.

    ResponderExcluir
  5. Andreza Carvalho15:06

    Ah, o ballet ballet mesmo! Eu acho que essa tentativa de fazer o ballet-isso ballet-aquilo é uma tentativa de popularizar essa arte, de aproximar pessoas que nunca tiveram interesse pelas sapatilhas antes. Mas eu sou bem enfática: gosto do ballet clássico, classicão mesmo. Qualquer outra coisa que esteja fora disso, não é ballet, é uma outra atividade. E sabe por quê? Porque a razão, a motivação, a intenção de faz clássico é outra... Eu não quero ter corpão, eu não quero ficar magra, não quero "fazer alguma atividade só para não cair no sedentarismo". Eu quero fazer ballet por que essa é a forma mais pura e mais bonita que eu encontrei para me expressar. É essa paixão que me move, ano após ano. E vai continuar movendo, até o último fechar de cortinas.

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico