Dicas de Ballet - Trabalhando a graciosidade

Bailarinas são seres que encantam, isso é uma verdade!
Dançar com graciosidade e ter em sua dança movimentos fluídos e elegantes pode parecer fácil, quando assistimos bailarinas profissionais, mas na prática, não é assim tão simples. Dá trabalho ser graciosa, principalmente quando você não é assim uma pessoa que veio "com graça" de fábrica rsrsrs Sabe aquelas pessoas fofas de fábrica? Nem sempre somos uma delas, mas precisamos fazer de conta que somos...

Definição de graciosa:  Aquilo que tem graça, que é elegante.

Quem assiste está, na grande maioria das vezes, atento à parte superior do corpo de uma bailarina. O público nem sempre é técnico, ele não percebe todo seu en dehors, mas ele vê a sua "cara", ele nota sua movimentação e leveza!

Para tornar-se mais graciosa, pense em descontrair as suas linhas e conservar uma expressão natural. Ninguém deve notar em seu rosto o menor sinal de esforço ou dificuldade.

Libere a sua cabeça e deixe-a mexer-se, a contração é inútil.

Uma boa bailarina deve ter as mãos leves, na posição certa, porém relaxadas. Os dedos devem permanecer esticados mas descontraídos (sinta como se fossem gotas de água caindo pela ponta dos dedos).

Pense na postura dos seus braços: contido a partir do omoplata, o braço deve sustentar-se « por baixo ». Não deixe o cotovelo caído, pense em sustentar o pulso. Uma boa postura e uma boa resistência ajudarão a criar um arqueado liso e harmonioso.

Referência: www.domyos.com.br


Comentários

Postar um comentário

Obrigada por fazer parte do MundoBailarinístico!
Seja bem-vindo sempre!
Curta nossa FanPage: www.facebook.com/MundoBailarinistico
Siga nosso instagram: @mundobailarinistico

FALE COM O MUNDO BAILARINÍSTICO

Nome

E-mail *

Mensagem *