Como estar emocionalmente equilibrado no dia da apresentação - Por Maria Cristina Lopes

Como estar emocionalmente equilibrado no dia do espetáculo?
Participar de um espetáculo ou festival é sempre muito mais que dançar. Precisamos pensar em outras questões emocionais, psicológicas e relacionadas à organização. Medo, estresse e ansiedade são apenas algumas emoções do turbilhão que sentimos no dia e logo antes da apresentação. Estas questões interferem na performance.
Em muitos casos temos a sensação de que poderíamos ter feito mais e melhor ou que em aula temos um rendimento muito melhor. Isso é muito mais comum que imaginamos. A mente está completamente relacionada com estas questões. Afinal, a forma como pensamos e nos sentimos afeta nosso corpo, fisiologia e comportamento. Precisamos aprender a controlar melhor nossa mente e emoções se almejamos dançar melhor e com maior bem-estar. Por isso veremos algumas dicas para estar emocionalmente equilibrados no dia do espetáculo:
- Não fuja do estresse: encare-o de frente
Uma das estratégias que utilizamos para nos afastarmos do estresse é fugir dele quando aparecem pensamentos que nos incomodam. Ou seja, quando surge um pensamento negativo ou um forte estresse começamos a nos dedicar a outra atividade para distrair nossa atenção. Isso acaba funcionando relativamente bem a curto-prazo e por isso a utilizamos sempre. Porém, acabamos não lidando com o estresse e com estes pensamentos: eles continuam lá e podem aparecer em um momento crítico.
É importante encarar alguns pensamentos de frente e lidar com eles. Se um pensamento que causa estresse é, por exemplo, “e se eu cair durante a apresentação?”, você pode pensar sobre a real possibilidade de isso acontecer. Por exemplo: quantas vezes isso ocorre em sala de aula? Qual a chance real disso acontecer? Se for 5% de chance será que vale a pena se preocupar com isso? Ou ainda, qual a pior coisa que poderia acontecer se você, de fato, cair? Seria não receber um prêmio, desapontar alguém? Você conseguiria remediar esta situação, ou talvez lidar com ela? Conversar com a pessoa que desapontou ou então treinar mais para receber um prêmio em outro momento?
Encarando a situação de frente é possível perceber as consequências dos seus medos e aprender a lidar com eles de forma madura. Entenda que todos tem seus medos. A diferença é saber lidar com eles.
- Dedique-se no período anterior a apresentação
         Uma das questões mais frequentes é não dedicar-se seriamente um ou dois meses antes da apresentação. A consequência disso é que uma semana antes a ansiedade está lá em cima buscando recuperar o tempo perdido. Mas a verdade é que seu corpo tem seu próprio tempo e não é possível ganhar este tempo perdido. É preciso dedicar-se muito antes para evitar este tipo de ansiedade.
- Alimente-se bem
Não alimentar-se antes da apresentação pode trazer consequências sérias. Uma destas consequências é desencadear um forte estresse. Quando não comemos nossa fisiologia modifica gerando estresse e ansiedade. Não caia na armadilha de não comer ou comer de forma insuficiente.
- Durma bem e bastante
         Aqui vale a mesma regra do tópico acima. Sem uma boa noite de sono seu cérebro e corpo se alteram de forma a gerar estresse e ansiedade. Vá para a cama cedo e busque dormir de forma confortável e tranquila evitando pensar sobre a apresentação.
- Prepare figurino e bolsa no dia anterior
         Geralmente programamos o dia seguinte de forma bem estruturada, mas muitas vezes o plano não ocorre de forma tão certinha assim. Ficamos um tempo a mais na cama ou no banho e tudo atrasa virando uma bola de neve. Isso também altera nossas emoções colocando-nos em um estado de estresse bem previsível.
         Por isso, tudo o que puder preparar no dia anterior é melhor. Já deixe tudo organizado para não ter esse estresse extra. Se for com seus pais ou colegas já deixe o horário agendado para sair. Atrasos geram ansiedade não apenas em você, mas nos outros colegas e professores no local da apresentação. Isso pode ocasionar discussões e ainda mais estresse.
- Peça dicas aos professores para dificuldades previsíveis
         Seus professores definitivamente têm dicas para te dar sobre o que funciona para eles ou outros colegas na hora da apresentação. Uma palavra das pessoas que o estão educando pode ser de muita ajuda. Não deixe de pedir dicas e soluções práticas para problemas previsíveis, como “dar branco” ou aquela ansiedade maior logo antes da apresentação.
Maria Cristina Lopes | mariacristinalopes.com | @balletsemestresse
Psicóloga da dança CRP5/47829
Receba o e-book grátis para você aprender a dançar melhor: bit.ly/E-bookDançarMelhor